Fachada da biblioteca pintada de preto. Adivinhando o luto que estaria por vir?

A única Biblioteca Pública de Peruíbe, instituída ainda em 1960 por Geraldo Russomano, continua fechada e sem previsão para reabrir.

São mais de 19 mil livros no acervo que estão ociosos e inacessíveis aos moradores de Peruíbe. Entre eles, exemplares raros e muitos títulos de escritores locais, que ficavam reunidos em um espaço de destaque na entrada do prédio, valorizando a cultura, os costumes e a história do município e região.

Mais de mil pessoas que possuem ficha cadastral também não podem emprestar os livros até que a situação seja resolvida. Outras centenas que usavam o espaço estão com a sua leitura e estudos comprometidos, já que Peruíbe não possui o serviço do acessa SP e muitos não gostam de ler pela internet ou não possuem o serviço da WEB em casa. O local também era indicado aos alunos por professores e funcionários das escolas de Peruíbe, que agora estão sem nenhuma referência, pois o município não conta com outro equipamento cultural a altura do que uma biblioteca com o seu rico acervo possa oferecer.

Apesar do recado, a reportagem não viu qualquer sinal de manutenção no local

Algumas perguntas precisam ser respondidas, mas a população de Peruíbe ficou sem repostas.

Não há prazo para a volta do funcionamento da Biblioteca. Não se sabe por qual motivo foi fechada  e nem onde vai funcionar. Por que estão demorando tanto para resolver a situação, já que o local está fechado desde janeiro.

A reportagem enviou perguntas ao Secretário de Turismo, Cultura e Esportes, Rodrigo Silva, e também para a diretora do Departamento de Cultura, Cynthia Riggo, mas até a publicação desta matéria não obteve qualquer resposta.

Já a Assessoria de Imprensa se limitou a dizer que:

“A Biblioteca Pública Municipal Manoel Castan” está passando por uma mudança de endereço e que em breve tudo estará normalizado”

e

“Ainda não tem o endereço pois estamos procurando um espaço central adequado para as novas instalações”

Frase colocada na entrada da biblioteca. Por menos mentes fechadas na Prefeitura

Apesar da resposta enviada pela assessoria, não há qualquer movimentação na Biblioteca que indique a tal mudança de endereço e nem sinal de que tudo será normalizado em breve.

A Administração Municipal fez a proeza de fechar um dos poucos equipamentos de cultura do município que funcionava ha quase 60 anos, feito que nem o Governo Ana Preto foi capaz de realizar.

Outra façanha realizada por eles foi funcionar uma Biblioteca, local de silêncio, ao lado de uma escola de música e banda. Muito provavelmente, foi o único município do mundo a praticar este “ato de heroísmo”, mostrando a falta de conhecimento dos gestores atuais no que se diz respeito a equipamentos culturais.

Será que os nossos gestores têm o hábito de leitura? Qual será o último livro lido por eles? Onde eles vão buscar os seus livros?

Com certeza não é na Biblioteca Pública de Peruíbe!

Livros ou Grades? Qual é a sua preferência?

Texto e Reportagem: Márcio Ribeiro

Crédito de Fotos e Pesquisa: Márcio Ribeiro

Contato: [email protected]

There are currently no comments.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.