Press "Enter" to skip to content

Sobre o Editoria Livre

O Editoria Livre é um site que busca resgatar o prazer de contar boas histórias. Algumas vezes elas podem ser ficcionais, outras não. O importante é cultivar o hábito da leitura. Não a simples leitura alfabética, mas a leitura de todos os sinais que estão ao nosso redor. E para isso poderemos utilizar os mais variados recursos. Buscamos compartilhar nossas parcas experiências com os leitores e almejamos ter, em troca, esse diálogo.

Este blog nasceu dia 14 de Setembro de 2015. Demos o nome de Editoria Livre graças à sugestão do Eddie Silva (nosso padrinho), que sugeriu abordamos temas seriados em vez de nos prendermos a uma única editoria. A intenção é que o conteúdo permaneça centrado naquele tipo de conversa que temos nas praças públicas das cidades do interior. Em resumo, pretendemos fazer deste espaço um canto para expor nossas opiniões e vivências, mas com livre acesso ao debate. Queremos saber o que você pensa, aquilo que concorda ou discorda, o que te levou a se posicionar de tal forma. Tudo isso, sempre, de forma respeitosa e civilizada. Não temos a menor intenção de ter a palavra final em nada, mas adoraremos provocar o debate.

A construção e o aprimoramento deste espaço só acontecerão com a sua ajuda. Comente, compartilhe, dê sugestões, critique. É para você que produzimos esse material, é com você que gostaríamos de trocar experiências.

Seja muito bem-vindo (a).

Quem somos


Eddie Silva
Considerado por muitos como o padrinho do podcast nacional. Escritor, redator, podcaster, paulistano criado em Curitiba começou a cultivar o interesse pela escrita aos 14 anos. Escreveu uma coluna semanal para um jornal comunitário brasileiro nos EUA e se tornou editor de um periódico independente. De Pittsburgh realizou o Premio Podcast no Brasil em 2008/2009. Escreveu um livro sobre técnicas de filmagem com iPhone e iPad e o romance:” Tudo que tenho de fazer é sonhar“, utilizando iPad e iPhone.


Isabella Felix
Isabella é graduada em Design Gráfico com ênfase em Web pela UCB-RJ. Atua na área desde 2011, escreve em blogs desde os quinze anos e mora no Rio de Janeiro. Atualmente é designer na Upnid. Nas horas vagas, se dedica à projetos pessoais. Ama música, games, animes, doramas, séries e livros. Coleciona bichinhos de pelúcia e está em constante desconstrução.


Jota Fagner
José Fagner Alves Santos é jornalista (MTB 0074945/SP) e tem mestrado em Educação: História, Política, Sociedade, pela PUC-SP. Trabalhou no Jornal O Eco, na Revista Fato!, na Rádio 102 FM Sul. Colaborou na Revista Blogosfera, no Jornal Bem te Vi, e apresentou durante dois anos o Podcast Mídias e Modos. Já escreveu para o Internet Geral e, recentemente, começou a colaborar com o MixPoint. Fã de Ernest Hemingway, Tom Wolfe, Gay Talese, Hunter Thompson, John Hersey e Eliane Brum. Faz um arremedo de jornalismo literário. Atualmente cursa o mestrado em Educação: História, Política, Sociedade na Pontifícia Universidade Católica (PUC) de São Paulo.

Márcio Ribeiro
Jornalista, Guia de Turismo, Monitor Ambiental, Técnico em Lazer e Recreação e Guia de Birdwatching. Sou um caiçara com orgulho das matas da Juréia. Trabalhei na Rádio Planeta FM, sou um dos fundadores do Jornal Bem-Te-Vi e participei de uma reunião de criação do Jornal do Caraguava. Fiz estágio na Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Peruíbe e no Jornal Expresso Popular, do Grupo “A Tribuna”, de Santos, afiliada Globo. Fui Diretor de Imprensa na Associação dos Estudantes de Peruíbe – AEP. Trabalhei também em outras áreas. Atualmente, escrevo para O Garoçá, Editoria Livre e para a Revista Editoria Livre.

Mariana Mascarenhas

Mestra em Ciências Humanas. Jornalista. Especialista em Metodologia do Ensino na Educação Superior e em Comunicação Empresarial. Assessora de Comunicação. Blogueira de Cultura e de Mídias. Sou apaixonada por programas culturais – principalmente cinema, teatro e exposição – e adoro analisar filmes, peças e mostras que vejo (já assisti a mais de 150 espetáculos teatrais). Também adoro ler e me informar sobre assuntos ligados às mídias de modo geral e produzir conteúdos a respeito.