Podcast: Erros de português marcam a entrada de aldeia indígena no Litoral Sul

Podcast: Erros de português marcam a entrada de aldeia indígena no Litoral Sul

08/01/2021 0 Por Márcio Ribeiro

Quem passa pela Rodovia Padre Manuel da Nóbrega já deve ter notado o erro de acentuação gráfica na placa de trânsito que indica a localização de uma aldeia indígena, na divisa entre Peruíbe e Itanhaém.

Na placa, a palavra “indígena” foi acentuada de forma errada, com o acento agudo no primeiro “I” ao invés do segundo. O erro foi repetido em duas oportunidades.

A intenção não é apontar o erro alheio, já que ele pode acontecer com qualquer um, mas sim de tentar aprender um pouco a respeito da nossa língua portuguesa.

Para isso, elaboramos um podcast com o José Fagner Alves dos Santos, que é Jornalista, Mestre em Educação e Doutor em Literatura Comparada, além de colaborador do site Editoria Livre.

Antes do áudio, veja as fotos:

Detalhe da placa com o erro de acentuação

Mesma placa em um plano mais aberto

Agora, a placa nomina a aldeia, mas repete o erro da anterior

 

PODCAST

 

A Prefeitura de Itanhaém, a Prefeitura de Peruíbe, o Departamento de Estradas de Rodagem (DER) e os indígenas não foram procurados para comentar os erros nas placas. Se desejarem, o espaço está disponível para as possíveis manifestações.

Vale lembrar que para quem vem de Itanhaém encontra uma outra placa errada, praticamente no mesmo trecho: O bairro Vila Erminda foi grafado de maneira incorreta, com “H”, veja a foto:

A Vila Erminda foi escrita com a letra “H”

A população espera das autoridades mais atenção com as informações oficiais e aguarda que os erros sejam corrigidos.

Texto e Postagem: Márcio Ribeiro

Podcast: Jota Fagner e Márcio Ribeiro

Fotos: Streer View (Google Maps)

Contato: [email protected]