Press "Enter" to skip to content

Há 50 anos: Filme gravado em Peruíbe é lançado em Festival de cinema amador

O V Festival de Cinema Amador, promovido pelo Jornal do Brasil, recebeu no dia 03/10 de 1969 as inscrições de 12 curta-metragens, sendo que um deles foi filmado em Peruíbe.

Os filmes, na grande maioria, são sonoros e foram rodados em 16 mm, preto e branco. Todos versaram sobre o tema “vida” e tem 90 segundos de duração.

Os custos da produção foram de  NCr$ 60,00 a NCr$ 700,00, encarecendo nos estados mais afastados do Rio e São Paulo devido as despesas de revelação e sonorização

Terra dos homens, o filme rodado em Peruíbe

De João Zacchi Jr, foi extraído de um trecho do livro de Saint-exupéri. Segundo o seu diretor, o filme foi feito em termos bem simples e diretos, fugindo de uma pseudo-genialidade, com duas partes distintas: A primeira – lírica – apresentando no fundo musical a “pastoral” de Beethoven. A segunda, num clima violento, com um tema de jazz, com flagrante contraste com o anterior. A filmagens duraram cinco dias e foram feitas na cidade de Peruíbe, no litoral sul do Estado de São Paulo

Filme Pornô: Chi, Cometa!

Um outro filme, gravado em 1986 e inteiramente filmado em Peruíbe, também foi alvo de nossa reportagem, ainda quando trabalhava no Jornal Bem-te-vi.

Relembre:

Filme Pornô gravado em Peruíbe completa 30 anos

Filme pornô nacional, clássico do pornô chanchada, “Chi, Cometa!” completa 30 anos, em 2016.

Exibido pela primeira em 1986, o longa metragem tem 70 minutos de duração.

A história se desenvolve em torno de um vigarista, que monta na casa do patrão de sua namorada um curso sobre cometas, já que naquele ano o mundo vivia a expectativa da passagem do cometa Halley.

Ainda com a influência da ditadura militar, muitos destes filmes eram exibidos em locais clandestinos. Em Peruíbe, alguns moradores puderam assistir “Chi, Cometa!” em uma salinha escondida, que funcionava onde hoje é o Restaurante Modan.

Como o filme foi rodado inteiramente na cidade, muitas imagens de Peruíbe, 30 anos mais jovem, podem ser vistas, como a praça localizada em frente ao Hotel Príncipe, a Avenida João Bechir e a Avenida Beira Mar.

Além do hotel citado, é possível identificar nas imagens a Adega Zago, Keniy Restaurante e a Sorveteria Kapilé.

Com a direção de José Adalto Cardoso, foi estrelado por Jorge Ventura, Priscilla Presley, Paulo Alcântara, Orizabel Portes, Franklin Neto, Mário Couto, Sandra Gabi, Mário Celso, Messias Rubio, Elias Nunes, Lucila Nunes e Devanir Kleber.

Em alguns sites especializados, é possível assistir o filme na íntegra. O longa metragem é proibido para menores de 18 anos.

Veja abaixo trecho da abertura de “Chi, Cometa!”.

Postagem e Publicação: Márcio Ribeiro

Texto filme 50 anos: Jornal do Brasil

Texto e Pesquisa – Chi, cometa!: Márcio Ribeiro

Pesquisa geral e colaboração: Fábio Ribeiro

Professor de História da Rede Pública e Mestre em História Social pela FFLCH/USP

Contato: [email protected]

 

 

 

Be First to Comment

Deixe uma resposta