Estudantes de diversas partes do mundo realizaram nesta sexta-feira (24) a segunda greve global pelo clima para cobrar das autoridades ações mais efetivas contra as mudanças climáticas. E Peruíbe não ficou de fora.

Por aqui, a ação foi educativa e de conscientização com palestras e o plantio de mudas de árvores nativas da Mata Atlântica – adquiridas  em Itanhaém – na E.M. Fernando Nepomuceno, sob a coordenação do biólogo, Bruno Lima, e da Engenheira Agrônoma, Mari Polachini.

“Conseguimos! Nosso município participou novamente da Greve pelo clima. Entramos novamente para o quadro de municípios que estão envolvidos na luta contra a crise climática. Foram muitas caminhadas debaixo de sol e chuva, muita saliva gasta para convencermos as escolas a aceitarem um evento quase de última hora e muitas idas e vindas”

Disse, Bruno Lima

“Apesar da chuva, ficamos satisfeitos com os resultados. Sempre é uma oportunidade incrível poder falar às crianças sobre a importância do nosso meio ambiente e a diversidade maravilhosa da nossa natureza. Gostaria de dizer sobre o imenso carinho que recebemos dos alunos e professores  da EMEF Prof. Fernando Nepomuceno, do quanto foi gratificante poder conversar sobre o meio ambiente e sentir o envolvimento das crianças com essa questão tão importante”

Falou, Mari Polachini

O movimento “Fridays For Future” (Sextas-feiras pelo futuro) ganhou força com a ativista adolescente Greta Thunberg, que uma vez por semana falta às aulas em sua escola, em Estocolmo, para se sentar em uma praça em frente ao Parlamento da Suécia e pedir medidas concretas contra o aquecimento global.

Na Suécia, houve manifestação em Estocolmo.

Na Alemanha, um grupo de jovens se reuniu em Muenster, no noroeste do país.

Na Inglaterra, o protesto ocorreu em Londres.

Na Itália, a manifestação aconteceu em Roma.

Na Noruega, manifestantes bloquearam a entrada do Banco Central do país pedindo que o fundo de investimentos pare de financiar empresas que queimam carvão, de acordo com a agência Reuters.

Em Portugal, os manifestantes se reuniram em frente ao parlamento em Lisboa.

No dia 27 de setembro deste ano, está prevista uma greve geral em todo o mundo.

Texto e Pesquisa: Márcio Ribeiro

Foto: Mari Polachini

Imagem Terra: Pixabay

Fonte: G1

Contato: [email protected]

There are currently no comments.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.