Home O Garoçá Notícias Moradores reclamam: Ruas do Guaraú estão em petição de miséria

Moradores reclamam: Ruas do Guaraú estão em petição de miséria

Moradores reclamam: Ruas do Guaraú estão em petição de miséria
0

 

Moradores do Guaraú procuraram O GAROÇÁ para reclamar das más condições das ruas do Bairro.

Muitas estão com o mato alto, enquanto outras estão com lama resultando em diversas ruas intransitáveis.

Um dos pontos críticos é a avenida 4. Devido as más condições, o ônibus escolar não consegue passar, prejudicando as crianças e revoltando moradores. Veja o desabafo do morador,  Wagnei Ribeiro:  “Olhem só a venida 4. É  lamentável. Ainda não arrumaram. Fecharam a rua e está estragando a rua 16. Será que o nosso prefeito está fazendo a coisa certa? Cadê o chefe de obras? Até que eu queria esse emprego para ficar sentado”.

Outra reclamação foi de Luiz Carlos Bernardis:  “Tá osso. Ao invés de arrumar, a administração do Guaraú fecha a rua mostrando a sua incompetência”.

A dona-de-casa Maria Silva também falou: “Queria ver se o prefeito ia passar aqui no dia de chuva. Queria ver o pé dele com lama e barro igual o meu, pois não dá pra passar sem afundar o pé aí”.

Veja algumas fotos:

A reportagem de O GAROÇÁ procurou a Assessoria de Imprensa de Peruíbe, que respondeu: “A Prefeitura tem feito manutenção nas ruas, porem o alto índice de chuvas tem dificultado o trabalho. Durante o mês de abril novas intervenções serão feitas nas vias, especialmente aquelas por onde trafegam os ônibus”. 

Reportagem: Márcio Ribeiro

Fotos: Wagnei Ribeiro

[email protected]

MTB; 0078407

Márcio Ribeiro Sou Jornalista, Guia de Turismo, Monitor Ambiental, Técnico em Lazer e Recreação e Guia de Birdwatching. Sou um caiçara com orgulho das matas da Juréia. Trabalhei na Rádio Planeta FM, sou um dos fundadores do Jornal Bem-Te-Vi e participei de uma reunião de criação do Jornal do Caraguava. Fiz estágio na Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Peruíbe e no Jornal Expresso Popular, do Grupo "A Tribuna", de Santos, afiliada Globo. Fui Diretor de Imprensa na Associação dos Estudantes de Peruíbe - AEP. Trabalhei também em outras áreas. Atualmente, escrevo para O Garoçá, Editoria Livre e para a Revista Editoria Livre.

Deixe uma resposta