Rio Una e planície da Praia do Una

O aluno, Tiago Ribeiro de Souza, vinculado ao Programa de Pós-Graduação em Ecologia da Unisanta, defendeu sua dissertação intitulada: “Dinâmica da pesca artesanal na Reserva de Desenvolvimento Sustentável da Barra do Una – Peruíbe – SP.” O mestrando foi orientado pelos professores Milena Ramires, Walter Barrella e Matheus M. Rotundo.

Antes de ingressar no mestrado, o aluno teve contato com os professores na Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) de Barra do Una, onde ele reside. Seus orientadores possuem histórico de pesquisa na RDS e assim conheceram Tiago, como declarou a professora Milena Ramires: “Conheci o Tiago enquanto ele ainda fazia sua graduação e trabalhava como monitor ambiental na RDS, a partir de então começou a contribuir em vários estudos realizados na região.”

A dissertação teve como objetivos: descrever a composição da fauna de peixes capturados pelos pescadores artesanais que residem na RDS de Barra do Uma e verificar a existência de padrões sazonais e espaciais da atividade pesqueira desenvolvida no Mosaico de Unidades de Conservação Juréia-Itatins. Para tanto, Tiago contou com a colaboração dos pescadores que informaram as espécies, quantidades e locais de captura de todas suas pescarias, durante o período compreendido entre agosto de 2017 e julho de 2018, além de doarem exemplares para serem tombados na coleção científica do Acervo Zoológico da Universidade Santa Cecília (AZUSC).

No total, foram acompanhadas 211 pescarias realizadas em 24 locais diferenciados, que capturaram 11393 exemplares (10569,52Kg) de 66 espécies pertencentes a 37 famílias, 18 ordens e duas classes. A maior quantidade (51,18%) das pescarias ocorreu no ambiente estuarino, seguido pelo dulcícola (24,17%) e marinho (24,64%). Através de modelos matemáticos para descritores de diversidade, Tiago e seus orientadores observaram padrões sazonais e espaciais significativos na dinâmica pesqueira local.

Dentre as espécies mais visadas pelos pescadores artesanais da RDS de Barra do Una, estão os robalos (Centropomus spp.), que também são alvo de pesquisa no projeto intitulado: “Etnoecologia e conservação de robalos no mosaico de unidades de conservação Juréia Itatins, SP”, sob coordenação da Profª Milena Ramires e financiamento do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

A defesa do aluno contou com a participação do prof. Dr. Otto Bismarck Fazzano Gadig, que atua junto ao Instituto de Biociências da Universidade Estadual Paulista (UNESP), campus litoral paulista. Também contou com a presença da equipe de gestão e pesquisa do Mosaico Jureia-Itatins: Aruã Fernandes Antunes Caetano, Claudio de Moura e Vanessa Cordeiro.

Tiago desenvolveu sua pesquisa com auxílio de bolsa integral fornecida pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), vinculada ao Ministério de Educação.

Postagem: Márcio Ribeiro

Texto: Elaine Saboya

Fonte: Universidade Santa Cecília – Unisanta

Fotos: Tiago Ribeiro

Contato: [email protected]

 

There are currently no comments.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.