Desde 2016 que o Brasil vem superando a marca de 60 mil homicídios anuais. Nossas taxas são 30 vezes maiores que as da Europa. Soluções mirabolantes brotam das mentes que deveriam nos direcionar. Não é preciso muito esforço para entender que a solução é bem mais complexa do que parece. Uma amiga me disse que vê a sociedade brasileira como que presa numa caixa de vidro cheia de água, sem conseguir respirar e consciente de que, se algo não for feito imediatamente, não teremos futuro. Achei a imagem curiosa e resolvi estampar na nossa capa.

O volume de colaborações para esta edição foi bem maior do que o costumeiro. Algumas coisas ficaram para a próxima edição. É triste, mas nós temos um limite de espaço. O critério não foi a qualidade, mas a ordem de chegada. Essa publicação é completamente caótica, qualquer tentativa de hierarquizar o conteúdo acabaria muito mal.

Esta é a primeira edição em que não publicamos uma história em quadrinhos, mas elas retornarão eventualmente. Acredito que vamos nos consolidando como publicação mensal independente. Já somos relativa

mente conhecidos, mas isso não impede que você continue ajudando na nossa divulgação. Compartilhe com um amigo ou parente.

A revista Editoria Livre, número 06, terá como tema a música. Já temos pronto um ensaio sobre o Renato Russo, escrito pelo jornalista Jonatas Oliveira. Não conto mais para não estragar as surpresas. Enquanto isso, vamos aproveitar a edição que você tem em mãos.

Boa leitura.

J. Fagner

 

Download da versão para tablet

Download da versão para impressão

Download da versão em epub

Download da versão em mobi