Com uma história simples e concisa Roubo nas Alturas não chega a surpreender a plateia com cenas inesperadas, mas não deixa de ser uma boa opção para aqueles que vão ao cinema em busca de uma comédia dotada de simplicidade, com o objetivo apenas de relaxar o cérebro e dar boas risadas.

O filme traz para os telões o ator que se consagrou na série de longa-metragens de Entrando numa Fria, Ben Stiller, interpretando Josh Kovacs, o extremamente competente gerente de um edifício, cujo chefe é o milionário Artur Shaw (interpretado por Alan Alda), residente do prédio que Kovacs administra e poderoso investidor de Wall Street.

A situação se complica quando Shaw é preso por fraude e tudo se torna mais agravante quando Kovacs descobre que tanto seu fundo de pensão quanto o dos demais funcionários que trabalham no prédio desaparece depois de terem sido confiados a Shaw, que havia prometido multiplicá-los.

É a partir de então que a trama desenvolve mais a ação, acrescida com toques de comédia, pois, diante da situação, Kovacs decide recuperar o dinheiro perdido planejando um roubo no apartamento de seu poderoso chefe, contando com a ajuda de alguns atrapalhados parceiros.

Como nenhum dos membros do grupo tem a menor noção de como praticar um roubo, por menor que seja, eles serão orientados por um ladrão de verdade que vive rondando a rua de Kovacs, interpretado por Eddie Murphy que, a partir de então, fazendo jus ao personagem que interpreta, rouba a atenção do filme para si ao lidar com um bando de inexperientes – “babacas”, segundo o personagem – que nunca roubaram nada.

Com seu mesmo estilo comediante presente em muitos filmes que sempre encantaram as plateias do cinema, Murphy é quem mais se destaca a partir deste momento até o final do filme. A forma como o grupo lida com a situação para alcançar o objetivo é rápida e concisa, ao contrário de muitos outros filmes que costumam conferir certa prolixidade ao desenrolar dos conflitos finais, e que, algumas vezes, acrescentam apenas cenas desnecessárias a trama.

Dirigido por Brett Ratner, Roubo nas Alturas não é nenhuma produção fora do comum, mas se classifica como uma comédia com o objetivo de entreter e divertir o público.

Por Mariana Mascarenhas