Basta assistir ao filme Guerra ao Terror para poder entender porque esta produção acirra tanto a disputa pelo Oscar 2010, tendo nove indicações de peso ao lado de Avatar que desfruta do mesmo privilégio.

 

Rodado na Jordânia, Guerra ao Terror parece levar o público para dentro das telas do cinema, trazendo a sensação de estar vivendo uma guerra em tempo real ao lado do sofrimento dos personagens, apesar de não ter sido produzido em formato 3D como em Avatar que também leva os espectadores para dentro do planeta de Pandora.

 

A disputa pelo maior prêmio do mercado cinematográfico também parece envolver relações pessoais, pois a diretora de Guerra ao Terror não é ninguém menos que Kathryn Bigelow, a ex-mulher de James Cameron que por sua vez é o diretor de Avatar.

 

O filme narra a história de uma equipe de soldados americanos que vão ao Iraque para desarmar bombas, sua especialidade. O ator Jeremy Renner, que concorre ao Oscar de melhor ator, simplesmente brilha no papel do sargento Willian James, que de uma forma totalmente irreverente se arrisca das mais diversas formas para executar sua missão, juntamente com sua equipe.

 

Apesar do filme ter sido lançado diretamente em DVD aqui no Brasil no final do ano passado, por não ter repercutido tanto aqui no país, ele chega agora aos telões brasileiros pelas suas grandes indicações.