Foto Edson Lopes Jr. 

É difícil ficar quieto(a) na cadeira, sem ao menos mexer os pés no chão. Essa é a sensação causada em quem assiste à comédia musical A Era do Rock, em cartaz no Teatro Porto Seguro apenas até o dia 30 de julho de 2017. Não curte muito o estilo rock and roll? Não há problema algum, afinal, mesmo os não amantes desse gênero musical se encantam com um espetáculo teatral que mescla romance, humor e show de rock, numa combinação perfeita para se divertir e se emocionar.

Criado pelo norte-americano Chris D’Arienzo, A Era do Rock estreou na Broadway em 2005 e, em 2012, foi adaptada para os telões do cinema com Tom Cruise e Catherine Zeta-Jones no elenco. Agora a produção ganhou sua versão brasileira com direção de Léo Rommano. O espetáculo é uma homenagem ao rock dos anos 80, levando o público para a cidade norte-americana de Los Angeles, do ano de 1987, cenário da história da produção narrada pelo simpático e divertido personagem Lonny (Gabriel Bellas).

Tudo começa com a chegada da jovem Sherrie (Thuany Parente) a Los Angeles na busca de realizar seu sonho de trabalhar como atriz. Vinda de uma pequena cidade do interior dos EUA, ela se encanta com a heterogeneidade de atrações e estilos pessoais da nova cidade – especialmente com Drew (Diego Montez), um garçom de uma casa de shows que ela conhece e que sonha em ser rockeiro. O rapaz resolve ajudar a moça, arrumando-lhe um emprego de garçonete, no local onde trabalha. Um clima de romance paira no ar e torna-se o fio condutor da peça, mas uma série de acontecimentos acaba afastando os dois. Enquanto isso, a cidade é tomada por protestos de jovens contra o fechamento da casa de shows para a construção de um novo imóvel, como parte da revitalização da cidade, aprovada pelo prefeito.

São Paulo, SP. 01/06/2017. Estreia do Espetáculo “A Era do Rock” no Teatro Porto Seguro. (Foto: Edson Lopes Jr.)

Quem viveu o auge dos anos 80 vai deliciar-se com o repertório musical da trama, composto por sucessos como Don’t Stop Believin’, I want know what love is, I wanna rock, We’re not gonna take it, entre outros. Mas quem não o viveu também será transportado para essa época de ouro do rock. Apesar da história simples, o sincronismo perfeito do elenco na atuação, coreografia e canto é envolvente e, a cada música cantada, o talento vocal dos artistas chega a dar arrepios e emocionar de verdade. A leveza da trama, acompanhada de um brilhante repertório, nos faz desejar a continuidade do espetáculo ao final, pois mal vemos passar os cerca de 140 minutos de musical.

Há apenas um cenário fixo com pequenas mudanças no palco, onde os músicos dividem o espaço com o elenco, o qual interage com o público em diversos momentos, contribuindo para avivar nos espectadores toda a energia do espetáculo, extremamente contagiante. Destaca-se o papel de Gabriel Bellas como narrador. A segurança e naturalidade com que ele encara seu papel contribui para a leveza da peça, com doses de humor muito bem trabalhadas. A comicidade de seu personagem é um dos pontos marcantes da trama, juntamente com a potencialidade vocal dos atores, especialmente dos protagonistas interpretados por Thuany Parente e Diego Montez. Uma excelente dica de lazer para relaxar e deixar-se envolver por uma produção que poderá, inclusive, despertar uma paixão pelo rock em quem não a tem.

Serviço

Musical A Era do Rock

Onde: Teatro Porto Seguro: Al. Barão de Piracicaba, 740 – Campos Elíseos – São Paulo. Tel: (11) 3226-7300. Bilheteria: de terça a sábado, das 13h às 21h e domingos, das 12h às 19h.

O Teatro Porto Seguro oferece vans gratuitas da Estação Luz até as dependências do Teatro. COMO PEGAR: Na Estação Luz, na saída Rua José Paulino/Praça da Luz/Pinacoteca, vans personalizadas passam em frente ao local indicado para pegar os espectadores.

Quando: sextas, às 21h, sábados, às 17h e às 21h, domingos, às 18h

Quanto: R$ 60,00 plateia / R$ 30,00 balcão e frisa

Até 30 de julho de 2017  

There are currently no comments.