Depois de quase cinco anos fora dos palcos como cantora, Renata Peron se apresenta na Casa Café Teatro para homenagear grandes divas da nossa MPB. A direção é de Rodrigo Ferraz e a supervisão artística é de Danilo Miniquelli.

Foto: Shade Produções

Nos meses de setembro e outubro, com sucesso, a artista levou para o palco canções que fizeram sucesso na voz de Maria Bethânia e Elis Regina, respectivamente. No dia 2 de novembro será a vez de homenagear Clara Nunes.

No projeto Canto Para As Estrelas a cantora fará ao todo seis shows que contemplam mulheres que têm importância fundamental dentro da história da música popular brasileira e serviram de inspiração para a sua carreira nos palcos e para a sua vida.

A temporada, que vai até fevereiro de 2018, em São Paulo, reverencia, além de Maria Bethânia, Elis Regina e Clara Nunes, as cantoras Gal Costa, Alcione e Elza Soares. O show acontece sempre nas primeiras quintas-feiras de cada mês.

“Esse é um show de celebração às mulheres de grande expressão da nossa música. Mulheres fortes, emblemáticas e que se tornaram símbolos da nossa arte, cada uma ao seu estilo musical”, explica Renata Peron. “É um espetáculo para emocionar e entreter”, complementa.

Nascida na Paraíba, a cantora começou a sua carreira artística há 18 anos, cantando na cidade de Juazeiro na Bahia, local onde foi criada.

A sua grande paixão na música é a MPB e na sua trajetória ela traz influências de Alcione, Djavan, Caetano Veloso, Chico Buarque, Tom Jobim e Clara Nunes, dentre outros grandes nomes.

Militante LGBT, Renata é transexual, mora atualmente em São Paulo, é formada em Serviço Social pela Universidade Nove de Julho (Uninove) e trabalha na SP Escola de Teatro.

¨Num país como o nosso, onde uma travesti ou uma transexual é sempre vista como objeto sexual e vive na marginalidade e prostituição, quando eu assumi aminha identidade de gênero feminina, essas cantoras foram inspirações para mim porque eu sempre fui artista e trabalhei com música. Essas mulheres me encorajaram a assumir a mulher que eu tinha dentro de mim. Cada uma tem uma importância histórica peculiar na minha vida pessoal, cada uma num momento da minha vida¨, destaca Renata.

O talento da artista chamou a atenção do grande público no programa X Factor Brasil, reality da Band e no Qual é o seu Talento, do SBT, sendo semifinalista.

Entre os destaques da sua carreira, a gravação de um disco com composições de Noel Rosa, Peron conta e canta Noel Rosa, que se transformou em DVD. No total, possui quatro discos e um DVD gravados.

No teatro, já atuou em montagens como “As Criadas” e “Os Supra Anjos”, dirigidas por Welington Monteclaro, e “Pobre Super-Homem”, de Jean Mendonça.

Programação:

2/11 – Clara Nunes

7/12 – Alcione

4/01 – Gal Costa

1/02 – Elza Soares

 

Direção de Rodrigo Ferraz e a supervisão artística é de Danilo Miniquelli

 

SERVIÇO

“Canto Para As Estrelas”

No dia 2 de novembro, às 21h00, Renata Peron interpreta canções que ficaram famosas na voz de Clara Nunes

Onde: Casa Café Teatro (rua Treze de Maio, 176, Bela Vista– Tel: 11 3159-0546)

Ingressos: R$ 40 e R$ 20 (meia-entrada)

There are currently no comments.