No dia 13 de agosto de 2010 Peruíbe ganhava o registro do Tauató-pintado (Accipiter poliogaster), gavião raro que era considerado extinto em todo o sudeste do Brasil.

Estavam presentes os birdwatchers  João Marcelo Costa, Bruno Lima, Davi Pasqualetti e Márcio Ribeiro.  Na época, esta ave contava com registros em Tocantins e no Amazonas.

Veja o que disse o Monitor Ambiental, Márcio Ribeiro, que guia observadores de pássaros desde 2004: “O Bruno Lima estava guiando o João Marcelo Costa e eu me convidei para a passarinhada. Estávamos no Guaraú e sugeri que fossemos à Zona Rural fotografar o Papagaio-de-cara-roxa, já que eu acabara de achar o local para fotografá-lo  em Peruíbe. Chegando lá, logo que descemos do carro, passou um casal de Cara-roxa e o João Marcelo fez a foto. Em seguida, apareceu o gavião em um galho e depois vi todos pulando e se abraçando em comemoração. Não entendi muito e achei até hilário no momento mas logo a alegria deles passou também pra mim, quando soube que era o gavião” .

Esta narrativa é completada por Davi Pasqualetti, que disse: “Fomos ao local por indicação do Márcio, para confirmar a ocorrência do Amazona brasiliensis (Papagaio-de-cara-roxa). Enquanto aguardávamos, eu avistei esta ave no último galho de uma árvore e falei: – Olha, pessoal, tem algo ali! O João Marcelo saiu correndo pra fotografar e depois fomos eu e o Bruno. Quando o Bruno aproximou a foto no visor da câmera a cara dele ficou branca: haha!!!”É um Tauató?!?! Não! Deve ser uma fase do caracoleiro… Não! Não pode ser! A confirmação veio a noite!”

João Marcelo Costa, primeiro deles a postar no wikiaves, achou o registro valioso e lembrou que estas aves estão perdendo espaço para os novos loteamentos: “Registro importantíssimo para o estado de São Paulo, justamente, em uma área sob forte pressão urbana”

Bruno Lima finalizou: “Foi um dos dias mais inesquecíveis de minha carreira ornitológica. Há muito o que aprender ainda no nosso próprio quintal. Sem a dedicação do guia Marcio Ribeiro e a companhia dos amigos Davi Pasqualetti e João Marcelo, não teria feito este importante registro para o município e também para o Estado”.

A aparição desta espécie rendeu um artigo científico que pode ser acessado no seguinte endereço eletrônico:

www.aultimaarcadenoe.com.br/wp-content/uploads/2011/06/Registro_doc_Accipiter_-poliogaster_-em_Peruibe-SP-BR-BLima-MRibeiro.pdf

Após o registro feito pelos quatro, o Tauató-pintado já foi fotografado em outras 14 cidades do Estado de São Paulo. Espirito Santo, Minas Gerais e outros nove estados também contam o registro deste gavião.

Em Peruíbe, Márcio Ribeiro fotografou um jovem algumas semanas depois, há poucos metros do local da primeira aparição. Após estes registros, nenhum outro birdwatcher teve o prazer de vê-lo nas matas de Peruíbe.

Para conhecer mais sobre este gavião, considerado como “fantasma”, clique no nome: Tauato-pintado.

Onde passarinhar em Peruíbe

Mochileiros Hostel e Pousada tem uma estrutura voltada para a observação de pássaros, recebe turistas do Brasil todo o ano inteiro e está localizado no Guaraú. Quem quiser “passarinhar” por lá deve entrar em contato pelos telefones (13) 98198- 1719 ,  3457- 9535 ou 3457-9521 ou pelo e-mail [email protected].

Pousada Jardim das Aves, também localizado no Guaraú. Lá, além do Birdwatching, tem Safaris Fotográficos, Aventuras Ecológicas, Trilhas, Caiaques e Expedição para observar anfíbios, répteis, mamíferos, insetos e toda a natureza. Contato pelos  telefones (13) 3457-9541, (11) 99952-0333, (11) 99966-8080 ou e-mail [email protected] Outras informações no site www.pousadajardimdasaves.com.br ou face www.facebook.com/pousadajardimdasaves/

Gavião fotografado em 2010 nas matas de Peruíbe, foto de Bruno Lima

 

Reportagem e Texto: Matheus Flamieri

Fotos: João Marcelo Costa / Bruno Lima

[email protected]

 

 

There are currently no comments.